Perdeu o companheiro? Veja o filme: O amor pode dar certo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Se você perdeu o companheiro, uma das maneiras para aceitar o que aconteceu e até mesmo se distrair é vendo filmes do cinema. O filme O Amor Pode Dar Certo trata do assunto de forma lúdica e pode ser uma boa sugestão.

Afinal, perder definitivamente a companhia de quem se ama pode ser um duro golpe. É necessário vivenciar a dor deste período, mas existem atitudes que ajudam na compreensão dos fatos e dão forças para continuar.

Perdeu o companheiro: Como seguir em frente?

O primeiro passo, embora não seja fácil, é aceitar o fato e vivenciar o luto com a dor e a tristeza que ele provoca. Sim, é necessário viver esse período para que a vida possa seguir o seu curso, sem deixar efeitos psicológicos.

Existem maneiras de tornar esse período mais ameno. Seja estando na companhia de familiares e amigos que possam lhe acolher, passeando e procurando se divertir ou fazendo atividades físicas que tragam bem-estar. E até mesmo, ficando em casa assistindo a filmes que podem funcionar como uma terapia.

Filme O Amor Pode dar Certo

Henry Griffin, interpretado pelo ator Dermot Mulroney, descobre que está com um câncer terminal e decide viver sua vida ao máximo. Ao assistir a uma aula de psicologia na Universidade de Nova York, ele conhece Sarah Phoenix, vivida por Amanda Peet, com quem logo se envolve.

A princípio os dois resistem um pouco a demonstrar interesse um pelo outro, mas aos poucos, passam a se conhecer e descobrir todas as coisas que ele gostaria de fazer antes de morrer.

Porém, Sarah Phoenix também está morrendo. E isso faz com que ambos percebam que o relacionamento entre eles é a última chance que têm para descobrirem o amor.

Ao descobrir a doença, Henry procura se reconciliar com a ex-mulher e se reaproximar dos filhos. Mas a tentativa não dá certo e então ele decide se mudar para outro local.

O amor se torna inevitável e irresistível e eles acabam entendendo o valor de viver intensamente os pequenos momentos.

O filme, basicamente, fala em viver plenamente, aproveitar a vida e realizar sonhos, principalmente na companhia de quem se ama.

Cultivar momentos

É grande a importância de cultivar bons momentos ao lado de quem se ama, curtir a vida e valorizar até mesmo pequenos gestos e acontecimentos. São essas situações que, depois, se transformam em lembranças felizes. Estas são fundamentais nos períodos de saudade que teremos caso nosso companheiro venha a falecer.

Se você perdeu seu companheiro, lembre-se que a sua vida precisa continuar e, agora você é protagonista da sua história. Portanto, você deve se cuidar, se manter ativa e procurar seguir o seu caminho.

O conselho não é para esquecer quem já se foi, mas ter a certeza de que tiveram uma vida repleta de momentos felizes. Que aproveitaram tudo o que puderam, viveram um grande amor e tudo isso é ótima lembrança. Com ela, a vida segue.

Viver vale a pena

Você ainda pode desfrutar de momentos felizes sem se sentir culpada. Viva sua vida da melhor maneira possível e cultive momentos alegres perto de amigos e familiares.

Assim, você terá a certeza de que viver vale a pena! Gostou do artigo? Então compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outros que estão vivendo uma perda.

Você e sua família vivendo com tranquilidade.

Já conhece nosso Plano de Assistência Funeral?
Deixe seus dados que entraremos em contato com você, para tirar suas dúvidas.

Você e sua familia vivendo com tranquilidade

Já conhece o Plano São Judas Tadeu?
Deixe seus dados que entraremos em contato com você, para tirar suas dúvidas.