A hora do adeus: A importância das cerimônias de despedida

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Perder uma pessoa querida causa muita dor e tristeza profunda. As cerimônias de despedida são de extrema importância para marcar o início do processo de luto. É o momento em que familiares e amigos mais íntimos se reúnem para prestar as últimas homenagens.

Manter a simbologia que acompanha as cerimônias de despedida e o adeus final é essencial para que todos possam manifestar suas emoções, expressar os pêsames e  prestar solidariedade aos mais próximos.

As cerimônias de despedida também são repletas de significados. Elas são rituais que simbolizam o encerramento de uma fase natural da vida, por mais que represente um período dos mais difíceis para quem fica.

As cerimônias de despedida são aliadas para que diferentes concepções em relação à perda sejam elaboradas por familiares e amigos. E como tal, precisam ser respeitadas e valorizadas. De forma que as boas lembranças permaneçam.

Cerimônias de despedida: curiosidades de algumas culturas

No México, por exemplo, o ritual de passagem é realizado com uma festa. As principais cerimônias de despedida ocorrem no dia 2 de novembro, data em que se celebra a ida para o mundo espiritual. A ocasião é chamada de Dia de Los Muertos.

Já na China, as cerimônias de despedida podem durar até sete dias. As pessoas presentes nos velórios se vestem com cores diferentes, em acordo com o tipo de relacionamento com quem faleceu. Os filhos(as) usam preto ou branco e netos(as) azul, por exemplo.

Em países da África, a morte é vista de forma natural. Desde criança, já se fala sobre o assunto. Acredita-se que o ritual de passagem é um fechamento necessário e que faz parte de um ciclo. Nas cerimônias de despedida, há dança, comida e bebida.

As religiões e as cerimônias de despedida

Católica

O velório e o enterro ocorrem em sequência, sendo que esse último normalmente é realizado até 24 horas após a morte. Também é comum que amigos e familiares façam uma oração juntos. Outro hábito comum na igreja católica é a realização da missa de sétimo dia.

Evangélica

Assim como as cerimônias de despedida católicas, os funerais protestantes também acompanham uma celebração religiosa. No entanto, o ritual não inclui velas, nem crucifixos. Apenas flores para homenagear quem partiu.

Espiritismo

Na tradição espírita orienta-se que o tempo de espera para um enterro seja de, no mínimo, 24 horas. Na cerimônia de despedida, dirigida ao espírito, as pessoas devem permanecer em oração em intenção da alma.

Budismo

Em enterros budistas, repete-se um ritual de velório, com oferendas de alimento dirigidas às divindades em sinal de desapego. Os budistas costumam optar pela cremação dos corpos.

Candomblé

O ritual pós-morte chama-se “Axexe” e ocorre em etapas. Primeiro o corpo é preparado para que o espírito seja liberado da matéria. Depois, realiza-se o velório, no qual músicas pedem aos ancestrais para que recebam o novo espírito. Em seguida o corpo é sepultado.

Judaísmo

A preparação do corpo é conhecida como “Tahara”. Um banho cuidadoso com água pura é feito por um grupo. Ao mesmo tempo, preces são recitadas, rogando perdão em nome do falecido. Tudo é realizado no próprio cemitério, em um local reservado.

Islamismo

O enterro ocorre o mais rápido possível, em respeito ao falecido. A mortalha fica aberta nos pés e na cabeça. Já perfumado com cânfora, o corpo é colocado no caixão com seu lado direito apoiado no fundo e com o rosto voltado para Meca.

Ajuda especializada nas cerimônias de despedida

Com mais de 40 anos de experiência, o Grupo São Judas Tadeu conta com profissionais e serviços especializados para atender e dar apoio aos que vivem sua perda.

Entre as ações que o Grupo São Judas oferece para a despedida, estão o velório com transmissão online pra pessoas que estão longe poderem participar e a caixa de memórias, para serem depositadas mensagens, fotos e objetos pessoais, .

Outro serviço oferecido é o Memorial São Judas Tadeu. Um espaço para que as cerimônias de despedida sejam realizadas com absoluto conforto para as últimas homenagens. Um ato de respeito aos que partiram e aos familiares que vivem o luto.

Siga o Grupo São Judas Tadeu no Facebook e no Instagram, e conheça todas as soluções oferecidas para as cerimônias de despedida.