Conheça aromas que transmitem paz e harmonia durante o luto

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Você sabia que existem aromas que transmitem paz e harmonia? Nos ajudam quando estamos desolados e sofrendo por alguém muito querido que perdemos. Essa é uma técnica holística milenar, conhecida como aromaterapia.

Certos aromas podem contribuir pras pessoas passarem pelo luto com menos dor e sofrimento. A história apurou que a utilização de aromas para afastar energias negativas, tratar doenças e extinguir pragas já existe desde o antigo Egito.

Hoje os aromas terapêuticos contam com técnicas mais apuradas de manipulação de determinadas substâncias, tornando-os mais eficazes.

Mas, como funciona a aromaterapia?

Quando inaladas, as substâncias que compõem o aroma dos óleos essenciais vão desprendendo partículas aos receptores do nariz, estimulando as células nervosas. Esse estímulo ativa áreas do cérebro relacionadas às emoções e ao nosso humor e também provoca reações fisiológicas no corpo.

Sabemos que a aromaterapia não substitui o ente querido que partiu. Mas age como tratamento. E ajuda a confortar, dando uma sensação de agradável acolhimento, promovendo maior equilíbrio emocional.

Benefícios da aromaterapia

  • Diminui o estresse e a insônia;
  • Atenua a depressão;
  • Melhora o funcionamento dos pulmões;
  • Alivia os sintomas da rinite e sinusite;
  • Abranda as dores de cabeça e musculares;
  • Abranda as náuseas;
  • Minimiza os sintomas da TPM, como cólicas e irritabilidade;
  • Regula a pressão sanguínea.

Neste contexto, há os chamados óleos essenciais. Alguns deles são ideais para ajudar a superar os momentos difíceis após o falecimento de alguém. Podemos dizer que a aromaterapia é realizada à base de óleos essenciais.

Eles são naturais, complexos e altamente concentrados. Extraídos de raízes, troncos, folhas, flores e sementes de plantas aromáticas, os óleos essenciais vêm sendo usados mais largamente num período recente.

As plantas medicinais mais usadas para oferecer saúde e bem-estar às pessoas enlutadas são:

  • Bergamota ou limão siciliano

São óleos capazes de limpar o corpo mental da confusão. Intensificam a compreensão dos pensamentos, abrindo o chakra do coração e ajudando a liberar o amor. Dão claridade mental e acalmam as emoções.

  • Cedro

Estes óleos essenciais dão forças pra prosseguir, evitando o desespero. Elevam o ânimo por sua ação antidepressiva e energizante.

  • Cipreste ou pinheiro silvestre

Ajudam no desapego e agem como consolo para as perdas. Acalmam e dão força. Esses óleos essenciais são usados para limpeza de sentimentos pesados. Proporcionam uma renovação da alma.

  • Gerânio ou rosa-de-damasco

Ajudam a aliviar a dor e a perda. Óleos bastante indicados para depressão porque têm função sedativa.

  • Lavanda

São calmantes, regeneradores e ajudam na diminuição da ansiedade, culpa e depressão. Contribuem para uma noite de sono reparadora.

  • Manjerona

Trazem acolhimento, auxiliam na insônia e atenuam a depressão.

  • Petitgrain

Esses óleos harmonizam o ambiente, acalmam os pensamentos, aliviam a dor emocional, traumas e choques profundos.

  • Sálvia-esclareia ou manjericão

São capazes de revigorar e ampliar a visão e o pensamento das pessoas enlutadas.

  • Sândalo

São confortantes.

  • Tangerina

Auxiliam a limpar ideias antigas e estagnadas.

Compreendendo a importância da aromaterapia e como ela pode contribuir para o bem-estar dentro do processo do luto, o Grupo São Judas Tadeu, possui dentro do seu memorial uma fragrância exclusiva,  com toque suave que traz como ponto principal a resiliência do bambu, uma planta que apesar da sua simplicidade, é uma das árvores mais resistentes que existem e que remete ao equilíbrio, crescimento e força.

O alecrim também presente traz sua ação estimulante e antidepressiva. O leve toque de jabuticaba nos faz sentir mais forte na resolução de problemas e está atrelado à felicidade e ao amor. De fundo optamos por uma nota quente e levemente adocicada do âmbar que traz conforto e o calor envolvente como o de um forte abraço.

Como usar os aromas que transmitem paz e harmonia?

Para quem está vivenciando o luto, a forma ideal de uso dos óleos essenciais é por meio da inalação, que é a mais eficiente. Esse processo permite que as moléculas consigam chegar facilmente ao sistema límbico do cérebro, aliviando as emoções mais rapidamente.

Além da inalação direta, ou seja, passar o óleo essencial nas mãos e inspirar, outros processos podem completar a terapia. Entre eles, usar o produto para aromatizar ambientes, por meio de sprays, vaporizadores ou difusores.

São também bastante indicados nas massagens corporais e nos banhos, tanto em uma banheira cheia de água morna ou no chuveiro para o último enxágue. Também se pode consumir os óleos em pequenas quantidades na água, chás ou comida.

Para este uso específico, recomenda-se fortemente a verificação da procedência do produto. E se a qualidade é comprovada para que não haja o consumo de algo que prejudique a saúde.

Os especialistas recomendam fazer um teste com óleos essenciais antes de utilizá-los, principalmente na pele e nos cabelos. O produto pode causar irritação porque tem uma concentração de aroma muito alta.

A forma de usar os óleos essenciais é importante. Mas lembre-se, que a aromaterapia provoca respostas mentais, físicas e emocionais. E isso está relacionado ao bem-estar, ajudando a aceitar a morte de quem amamos.

Gostou deste conteúdo? Quer saber mais sobre dor e cura? Continue acompanhando nosso blog e redes sociais!