Entenda o que o luto e o inverno têm em comum

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A vida é feita de fases. Uma delas é quando nos resguardamos e nos recolhemos para viver a própria dor, principalmente o luto de quando perdemos alguém muito querido. Neste sentido, o luto e o inverno têm algo em comum.

Tanto durante os períodos de baixas temperaturas, quanto no luto, é como se nosso corpo estivesse em recesso, precisando ser acolhido e bem agasalhado para vivenciar um período difícil, mas que vai passar.

Assim como os animais que vivem o inverno em estado de adormecimento, que é a hibernação. Muitas pessoas também necessitam desse tempo para assimilarem os acontecimentos mais difíceis.

Luto e o inverno: introspecção necessária

No inverno o corpo pede pra diminuir um pouco o ritmo, trazendo momentos de introspecção para que possamos olhar pro nosso mundo interior. É uma pausa para reflexão. Essas sensações que temos na época mais fria do ano é muito similar de quando vivemos o luto.

No entanto, assim como a cada três meses, mudam as estações do ano, sabemos também que o período de luto não será para sempre. Novos dias virão, cheios de sol, de flores e com todas as belezas que cada estação pode proporcionar. Precisamos respeitar o nosso tempo, seja de frio, seja de dor, para vivermos dias melhores.

No luto e inverno, é preciso viver um dia de cada vez para superar as fases de dor com serenidade. É certo que pelo menos uma vez no ano passamos por dias frios. A maioria das pessoas fica mais resistente em levantar-se da cama.

A produção de melatonina, hormônio que ajuda a dormir melhor, aumenta em nosso corpo, produzindo mais sensação de cansaço e sonolência. Além disso, um pouco de melancolia sempre aparece no inverno. Mas tudo pode ser fácil lidar com tudo isso, transformando esta estação em momentos mais prazerosos.

Algumas ideias podem ser postas em prática, como exercícios físicos, viajar, enfrentar a preguiça aproveitando os dias de sol e mudando um pouco a rotina, com passeios propícios pras temperaturas mais baixas

Como lidar com o luto

Sempre há como lidar com o luto e amenizar os sentimentos negativos comuns no luto. Na verdade, nunca estamos preparados para a morte de quem amamos. E não há um método infalível para encarar a dor da perda. Mas, separamos aqui algumas ações que ajudam a  superar essa fase delicada. Acompanhe!

1. Aceite e vivencie o luto

Viver o luto é essencial para poder lidar com a perda e, depois, conseguir seguir em frente. Lembrando que o luto nem sempre significa a morte de alguém. Pode ser também relativo ao término de um ciclo, como a saída de um emprego ou rompimento de um namoro ou outro relacionamento. Ocorre até mesmo após a perda de um animal de estimação.

O luto se traduz em um momento de reconstrução do indivíduo. Nascer e morrer faz parte do ciclo natural da vida. Assim como a noite e o dia, o sol e a chuva, o frio e o calor.

2. Procure compartilhar sua dor com amigos e familiares

O ideal é encarar os momentos difíceis da melhor maneira possível. Para isso, conversar com os amigos e familiares pode ajudar a minimizar a dor e evitar cair em depressão. Uma boa terapia também é aconselhável.

3. Tente se distrair

Dê seguimento à sua vida. Procure, gradativamente, ir gerenciando os sentimentos de tristeza e saudade, culpa e depressão. Distraia-se assistindo a um filme, encontrando-se com amigos, passeando no parque ou lendo um livro. Procure participar de eventos sociais que não prejudiquem sua recuperação.

4. Nada é para sempre

Assim como o inverno tem fim, o luto também acaba um dia. Mas tem um tempo que deve ser respeitado. Cada pessoa supera de um jeito. Têm pessoas que lidam com a morte de modo mais rápido, outras não. Talvez, mudar a rotina ajude a aliviar a falta de alguém ou algo que perdemos.

5. Retome sua rotina aos poucos

Viva um dia de cada vez e encare tudo como uma superação. Devagar, vá retomando seus projetos ou então mude de planos. Mas foque em sua vida que continua porque sua missão aqui na Terra não acabou. Você ainda verá novamente o brilho do sol.

 

Gostou das dicas? Então, compartilhe-as  em suas redes sociais para que mais pessoas possam entender o que o luto e o inverno têm em comum.